fbpx

Dona Madalena, Especialista em Meias

No mesmo ano em que era fundada a Vulcão, no centro da Penha nascia a tradicional loja Meias Penha.

Munira Abrão Neme Feola comanda, hoje, o estabelecimento da família, aberto por seu pai, Chafic Abrão, em 1924, na Avenida Penha de França.

Segundo a atual proprietária, “vem gente de outros bairros de São Paulo, de outras cidades e até do exterior” só para comprar com eles.

Atualmente instalada na Rua João Ribeiro, 449, a loja levou para o novo endereço as características físicas da primeira.

“A cara do lugar nunca mudou: foram mantidas a arquitetura e a disposição das mercadorias, e isso ajudou a manter a identidade”, avalia o engenheiro Augusto Feola, filho de Munira.

O sírio Abrão, morto há dezenove anos, chegou ao Brasil em 1914, em pleno começo da Primeira Guerra Mundial, junto com outros imigrantes. Sua mulher, Madalena, comandava o atendimento e conhecia todos os clientes pelo nome.

Apesar das dificuldades, Abrão nunca desistiu e os clientes se mantiveram fiéis.

“Algumas mulheres mais idosas ainda chegam e perguntam por dona Madalena, a simpática senhora que entendia tudo de meias”, conta Alessandra Feola, filha de Munira.

“Isso ocorre com freqüência… e minha mãe morreu há 14 anos”, completa Munira.